Novo livro de Cesar Perri põe Centro Espírita no centro das atenções

sa_1498232373_EmAçõesEspíritas_Cartaz

Ele pode ser considerado um especialista em Movimento Espírita, no Brasil e no mundo. Aos 16 anos, iniciou a trajetória como dirigente de Mocidade, que culminaria na presidência da Federação Espírita Brasileira, meio século depois. Desde que deixou esta função, em 2015, Antonio Cesar Perri de Carvalho decidiu dividir os aprendizados e conhecimentos do caminho, chegando à quarta publicação em período de 13 meses.

 

O livro ‘Em Ações Espíritas’ está saindo do forno da novata Cocriação Editora, de Araçatuba, direto para o ambiente fraterno e aconchegante do 17.º Congresso Estadual de Espiritismo, de 23 a 25 de junho, na Estância Turística de Atibaia. Conforme divulgação oficial, o evento “reveste-se de significado especial. Afinal, foi também no calor de um congresso – em junho de 1947, na Capital, há justos 70 anos – que surgiu a União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo”. Motivações de sobra para que o lançamento da obra ocorresse neste momento histórico de ‘USE 70: União em Movimento’.

 

Outras motivações são as participações de Cesar Perri no tradicional congresso do órgão que presidiu entre 1990-1994 e 1997-2000: ele ministrará uma das três palestras da manhã de sábado (24), discorrendo sobre a História da USE, no contexto da abordagem sobre Unificação e o Papel da USE nestes 70 anos. Outra contribuição será na coordenação do espaço Rodas de Conversa, com o tema Práticas Estranhas no Centro Espírita.

 

A OBRA

 

O autor reúne, resumidamente, “algumas experiências de mais de meio século de trajetória espírita: momentos de vivências pinçados dos tempos iniciais em Araçatuba (SP), em Mocidade departamental e Centro Espírita; União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo, nos níveis local, regional e estadual; Federação Espírita Brasileira e Conselho Espírita Internacional. As observações refletem algumas linhas de pensamento e de atuação que têm norteado nossa vida e podem servir de estímulo para se buscar inspirações no sentido de avaliamos continuamente os caminhos para nossas existências”.

 

Perri acrescenta que por pressupor movimentação, “está cunhada a expressão Movimento Espírita para se referir às ações em geral, implementadas pelas diversas instituições espíritas. Torna-se interessante lembrarmos que o ativo apóstolo Paulo, em vários trechos de suas epístolas, faz referência a bom combate, corrida, carreira, alvo. Que tenhamos sempre o ideal renovado para prosseguirmos no bom combate pelas ações no bem e de forma contínua: ‘prossigo para o alvo…’” (Filipenses, 3.14).

 

MOVIMENTO E ATITUDE

A partir de relatos históricos, do Brasil e do mundo, do passado – longínquo e recente – e do presente, esta obra inspira reflexões existenciais e propõe atitudes, no contexto da vivência espírita. Algumas exemplares encarnações missionárias, com notáveis contribuições a serviço do próximo, são estímulos fundamentais à ação: Bezerra de Menezes, Chico Xavier, Yvonne Pereira, Benedita Fernandes, Cairbar Schutel, Mário Barbosa, Divaldo Pereira Franco.

 

A partir destas e de outras inspirações, a atitude remete, necessariamente, a movimento. Neste caso, ao Movimento Espírita, nos mais variados cenários e idiomas, contribuindo para expansão e consolidação do Cristianismo, na segunda e decisiva etapa de ação entre nós, iniciada há 160 anos. ‘Em Ações Espíritas’ traduz o olhar de um dirigente com 53 anos de trajetória espírita, que começou na juventude e reúne experiências de gestão incomparáveis. O olhar de um especialista, que fraternalmente convida: em ações, espíritas!

SÍNTESE

• Comentários e crônicas sobre fatos históricos, a partir da vivência de 53 anos

de Movimento Espírita (dirigente de Mocidade e Centro Espírita; União das Sociedades Espíritas do Estado de São Paulo, nos níveis local, regional e estadual; da Federação Espírita Brasileira e do Conselho Espírita Internacional).

• Análise sobre 70 anos da USE-SP e do 17.º Congresso Espírita Estadual (Atibaia, 2017).

• Episódios e nuances da vida e obra de vultos destacados do Espiritismo no Brasil: Bezerra de Menezes, Chico Xavier, Yvonne Pereira, Benedita Fernandes, Cairbar Schutel, Mário Barbosa, Divaldo Pereira Franco.

• Reflexões sobre os rumos do Movimento Espírita.

0 Comentários

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

CONTATO

No momento não estamos por perto. Deixe aqui sua mensagem para um breve retorno.

Enviando

©2017 USESP

Faça o Login com seus dados

ou    

Esqueceu seus dados?