Liga de Pesquisadores encerra encontro com homenagem a Lamartine Palhano Júnior

sa_1503926430_palhanojr

Com recorde de público e no número de trabalhos inscritos, o 13º Encontro Nacional de Pesquisadores Espíritas foi encerrado no último domingo (27) com uma homenagem ao eminente pesquisador Lamartine Palhano Júnior (1947-2000), reconhecido também como um expoente na pesquisa da fenomenologia espírita.

Natural de Coronel Feliciano (MG), Palhano Jr. radicou-se em Vitória, capital do Espírito Santo, onde produziu grande parte de suas pesquisas, fundamentadas no campo da Bacteriologia da Tuberculose, como profissional do Conselho Nacional de Pesquisa e Tecnologia (CNPq). Palhano Júnior ocupou também a cadeira de docente do Departamento de Patologia da Universidade Federal do Espírito Santo.

ENLIHPE-Marco Milani e Jáder Sampaio

Jáder Sampaio, presidente da Lihpe, e Marco Milani, diretor de Doutrina, da USE. Encontro registrou recorde de público e número de trabalhos científicos.

“Já como professor aposentado, Palhano Júnior dedicou-se com afinco à pesquisa do transe mediúnico, evocações, assédio espiritual, bem como sobre alguns médiuns notáveis, como Mirabelli”, recordou Julia Nezu, presidente da USE, entidade que sediou o evento das entidades parceiras Liga dos Historiadores e Pesquisadores do Espiritismo (Lihpe) e Centro de Cultura, Documentação e Pesquisa do Espiritismo (CCDPE).

Na homenagem a Palhano Junior, também se manifestaram Jáder Sampaio e Pedro Nakano, presidentes da Lihpe e do CCDPE, respectivamente; Antônio Cesar Perri de Carvalho, ex-presidente da FEB, e Marival Veloso de Matos, ex-presidente da União Espírita Mineira, além de Jáder Cabral, diretor da UEM. 

Marco Milani, diretor de Doutrina/USE, e também membro da Liga de Pesquisadores, destacou o trabalho científico de Palhano Jr., um autor, segundo ele, pouco conhecido dos paulistas. “Talvez por ter vivido boa parte da existência no Espírito Santo, a obra de Palhano Jr. não está muito bem divulgada em São Paulo, um resgate que começamos a fazer a partir desta homenagem ao eminente pesquisador, que presidiu também a Federação Espírita do Estado do Espírito Santo”, anotou.

Prece e Curas Espirituais

Versando sobre palpitante tema — Prece e Curas Espirituais —, o 13º Enlihpe empolgou os mais de 120 participantes, vindos da própria capital e também de várias cidades do interior paulista e de outros estados, como a mineira Élida Mara Carneiro, de Uberaba, e o gaúcho Sandro Fontana, que substituiu sua colega Janaína Dantas. Élida apresentou resultados da pesquisa sobre o passe, observando a eficácia da terapêutica em pacientes de hospital de Uberaba. Sandro, por sua vez, mostrou experiências sobre fluidificação da água, que envolveu vários médiuns videntes.

Também apresentaram trabalhos Raphael Vivacqua Carneiro, Clóvis Aurélio Vervloet, Gilmar Trivelato, Adolfo de Mendonça Júnior (Unifranca) e os professores Ademir Xavier Júnior e Alexandre Fontes da Fonseca, ambos da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), além do próprio Jáder Sampaio, que dirigiu, no domingo pela manhã, a assembleia dos membros da Liga, que definiram a sede do 14º Enlihpe, que será em Belo Horizonte, dias 25 e 26 de agosto de 2018, com o tema “Sobrevivência da Alma”.

Transmissão ao vivo e lançamentos editoriais

Com transmissão ao vivo pelo Canal DuBem (www.soudubem.com.br), o 13º Enlihpe teve cobertura do Correio Fraterno, representado pela jornalista Izabel Vitusso, e Dirigente Espírita, da USE, além dos registros no geecx, blog do Grupo de Estudos Espíritas Chico Xavier, fundado pelo companheiro Cesar Perri. 

Durante o evento houve apresentação do livro Espiritualismo e Espiritsa_1501245749_Livro Espiritualidade e Espiritismoismo. Reflexões para além da religiosidade, pelo organizador André Ricardo de Souza (UFSCar), acompanhado de Flávio Rey de Carvalho (PUC-SP), autor de um dos capítulos da obra.  Também foram destacadas as publicações da série Espiritismo e Universidade, composta por obras que reúnem trabalhos acadêmicos selecionados pela Lihpe. Uma delas, publicada no ano passado, Novos Estudos sobre a Reenecarnação, é uma parceria entre CCDPE e a USE.

Não faltaram ainda momentos de arte, com participações dos cantores Tiago Ariel e Lirálcio Ricci, diretor do Departamento de Artes da USE e presidente da Fundação DuBem. Lirálcio também foi mestre de cerimônias do evento e ainda contribuiu com os pesquisadores, dando um depoimento pessoal sobre a cura espiritual de um câncer, há quatro anos.

 

0 Comentários

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

CONTATO

No momento não estamos por perto. Deixe aqui sua mensagem para um breve retorno.

Enviando

©2017 USESP

Faça o Login com seus dados

ou    

Esqueceu seus dados?